Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Aventuras de um português na Alemanha

É a crise, morcão...

"Para tristeza dos defensores das virtudes da economia de mercado, a resolução mais rápida e sem dor dos problemas que se vivem no sector privado parece agora depender quase totalmente do sucesso da intervenção realizada pelo Estado."

 

"... a resposta que está a ser dada pelas autoridades varia de país para país, dependendo mais da gravidade da situação de cada economia e do equilíbrio das finanças públicas do que da ideologia defendida pelo respectivo Governo.
Só isso pode explicar que o exemplo de maior intervenção estatal durante a presente crise esteja a vir dos EUA, um país com uma economia tradicionalmente mais liberal e cujo presidente, George W. Bush, tem sido, ao longo dos seus dois mandatos, um acérrimo defensor da redução da presença do Estado na economia."

 

"Deste modo, os Estados Unidos, sempre citados como o exemplo do que é uma economia de mercado, têm neste momento um sistema financeiro em que, na prática, metade dos créditos à habitação são garantidos pelo Estado. Nem nos países europeus, como Portugal, em que existe um banco público com uma posição importante no mercado, se consegue actualmente encontrar uma situação semelhante."
 

in Público, 28/07/2008

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tempo